atenção. | alex castro

“Atenção.”, compre direto do autor

Você pagaria um pouco mais pelo mesmo produto em troca da satisfação de ajudar diretamente uma artista?

* * *

Meu novo livro, Atenção., já está à venda.

"Atenção."

O ebook custa R$29,90 e o impresso, R$44,90.

(Eu ganho 30% do preço de capa do ebook e 10% do impresso.)

E também dá para comprar o livro na minha mão.

Nesse caso, você paga um pouco mais (R$95), mas tem o gostinho de estar ajudando diretamente um autor que você aprecia e acompanha. De fazer parte do meu processo criativo.

E eu te agradeço. :)

De brinde: um marcador de página exclusivo e uma dedicatória apócrifa única.

Compre com PagSeguro.
(No exterior, compre com PayPal.)

marcador de página código de barras

* * *

Sem Atenção, não há Cuidado.

Nenhum ato pode ser mais político e mais transformador do que enxergarmos e cuidarmos umas das outras.

EbookAmazon, Cultura, Saraiva, GooglePlayFeltrinelli (Itália), iTunes, FNAC (França), FNAC (Espanha), FNAC (Portugal), Kobo.

ImpressoTravessa, Cultura, Amazon.

A capa é da artista plástica Isabel Löfgren.

Esse livro não teria sido possível sem a generosidade das mecenas, que me apoiam com suas contribuições em dinheiro. Todas as 743 mecenas estão citadas nos agradecimentos de Atenção. Muito, muito obrigado.

* * *

Lançamentos

RJ: 19 de março, Livraria da Travessa Ipanema, 19h
SP: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h
Curitiba: 14 de abril, Livraria Curitiba Palladium, 15h

Lançamento RJ: 19 de março, Livraria da Travessa Ipanema, 19h

Lançamento RJ: 19 de março, Livraria da Travessa Ipanema, 19h

Lançamento SP: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h

Lançamento SP: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h

* * *

Extras do e-book

O ebook tem três extras exclusivos que não estão disponíveis em nenhum outro lugar:

  1. Uma entrevista comigo, falando mais sobre os bastidores do livro, sobre As Prisões, sobre budismo;
  2. Um making of, contando como o Projeto As Prisões se transformou no Atenção. (Isso mesmo: Atenção. é parte integrante do Livro das Prisões!)
  3. As duas primeiras Práticas de atenção, publicadas no meu blog pessoal LLL há mais de dez anos, e nunca republicadas.

* * *

Onde comprar?

Se quiserem me ajudar, prefiro que comprem na minha mão, pagando um pouco a mais. :)

Se preferirem pagar o preço normal, peço para darem preferência a livrarias independentes,como Travessa, Nobel, Leitura, Curitiba, etc, ou pelo site da Amazon.

Evitem a Saraiva e a Cultura, pois estão em recuperação judicial e não estão pagando as editoras.

* * *

Sobre o livro

Atenção é o grande commodity da contemporaneidade. Ela é constantemente disputada pelas grandes empresas, que espalham todo o tipo possível de publicidade à nossa vista e contabilizam – e comercializam – os números de likes, compartilhamentos e pageviews de sites ou perfis em redes sociais. Há uma grande quantidade de informação e estímulos destinada a dividir a nossa atenção de nós mesmos e, principalmente, do outro. Mas, contraditoriamente, vivemos na era da desatenção, sempre fazendo tudo de maneira superficial, com falta de cuidado e de zelo. Neste livro, o zen-budista Alex Castro analisa as diferentes maneiras pelas quais podemos exercitar a atenção, não em busca do próprio autodesenvolvimento, mas para convertê-la em um instrumento de ação política. Mais do que olhar para si em busca de aprimoramento, o autor defende a necessidade de enxergar e aceitar o outro, acolher e cuidar do próximo.

A reflexão do livro se inicia com um questionamento: onde está nossa atenção em uma sociedade tão disposta a saber do que gostamos ou desejamos? Essa valorização do “autocentramento” nos faz dispensar uma quantidade ilimitada a nós mesmos e ao que nos interessa. Por outro lado, onde está o outro? Aquele a quem não damos atenção, mas, por outro lado, vemos, julgamos e criticamos a partir de nossa visão de mundo, de nossos conceitos e preconceitos?

Alex Castro apresenta ao leitor uma análise sobre o mal que a falta de atenção faz à sociedade e à necessidade de olhar de forma verdadeira o outro como forma de transformar o coletivo e a nós mesmos. Essa reflexão é desenvolvida no que o autor chama de práticas de atenção, entre elas, ouvir com atenção plena, praticar o não conhecimento e exercer a não opinião.

 

O essencial, numa sociedade autocentrada, é desapegar do Eu. Dar atenção é esvaziar o Eu e, por consequência, esvaziar-se de julgamentos e conceitos. “Dar atenção a alguém é estar plenamente com ela. Querer resolver o sofrimento a todo custo significa nunca estar realmente presente com a pessoa que sofre, nunca enxergar sua verdadeira dor. Cuidado sem atenção é superficial e pode ser até nocivo”, explica Castro.

Mas esse livro não é de “desenvolvimento pessoal”. Afinal, só faz sentido exercitar todas essas práticas como um caminho para um engajamento coletivo que nos transforme em uma sociedade mais igualitária: “praticamos a atenção para sermos melhores para as outras pessoas. Praticamos atenção não para vivermos vidas melhores, mas para que as pessoas que precisam conviver conosco vivam vidas melhores. Quanto mais atenção, mais vemos que não existem outras pessoas. Estamos todas juntas.” Leia Atenção. e descubra diferentes maneiras pelas quais podemos exercitar o cuidado engajado e a escuta ativa, atos transformadores para si mesmo e para a sociedade.

Para comprar: alexcastro.com.br/atencao

Página no site da editora.

Atenção, capa aberta.

Clique para ver em tamanho maior.

* * *

O Autor

Alex Castro publicou Mulher de um homem só (romance, 2009), Onde perdemos tudo (contos, 2011), Outrofobia (ensaios, 2015) e Autobiografia do poeta escravo (história, 2015). Foi colaborador da revista Mad in Brazil, do site PapodeHomem e do jornal Tribuna da Imprensa. Em 2016, lançou Autobiografia do poeta escravo em Cuba e foi um dos escritores convidados da Feira Internacional do Livro de Havana. As Prisões, instalações artístico-literárias de sua autoria, já foram realizadas em todas as regiões do país, congregando milhares de participantes. Praticante do zen-budismo há mais de dez anos, Alex Castro é membro da Ordem dos Pacificadores Zen e irmão ordenado em Eininji – Templo do Cuidado Amoroso Eterno, em Copacabana, sob o nome de “Darma de Iquiú”.

Site: alexcastro.com.br
FB: /alexcastroescritor
Twitter: @outrofobia
Insta: @outrofobia
Goodreads: /outrofobia

* * *

Título: Atenção.

Autor: Alex Castro

Editora: Rocco

ISBN: 978-85-68696-69-9

Código: 9788568696699

Formato:  14 x 21cm

Páginas: 288

Preço: R$ 44,90

Lançamento: março de 2019

Rio de Janeiro: lançamento “Atenção.”, 19 de março

Lançamento RJ: 19 de março, Livraria da Travessa Ipanema, 19h

Lançamento RJ: 19 de março, Livraria da Travessa Ipanema, 19h

» leia o texto completo «

Atenção., novo livro de Alex Castro

Atenção é o grande commodity da contemporaneidade. Ela é constantemente disputada pelas grandes empresas, que espalham todo o tipo possível de publicidade à nossa vista e contabilizam – e comercializam – os números de likes, compartilhamentos e pageviews de sites ou perfis em redes sociais. Há uma grande quantidade de informação e estímulos destinada a dividir a nossa atenção de nós mesmos e, principalmente, do outro. Mas, contraditoriamente, vivemos na era da desatenção, sempre fazendo tudo de maneira superficial, com falta de cuidado e de zelo. Neste livro, o zen-budista Alex Castro analisa as diferentes maneiras pelas quais podemos exercitar a atenção, não em busca do próprio autodesenvolvimento, mas para convertê-la em um instrumento de ação política. Mais do que olhar para si em busca de aprimoramento, o autor defende a necessidade de enxergar e aceitar o outro, acolher e cuidar do próximo.

"Atenção.", de Alex Castro, publicado pela Editora Rocco em 2019

A reflexão do livro se inicia com um questionamento: onde está nossa atenção em uma sociedade tão disposta a saber do que gostamos ou desejamos? Essa valorização do “autocentramento” nos faz dispensar uma quantidade ilimitada a nós mesmos e ao que nos interessa. Por outro lado, onde está o outro? Aquele a quem não damos atenção, mas, por outro lado, vemos, julgamos e criticamos a partir de nossa visão de mundo, de nossos conceitos e preconceitos?

Alex Castro apresenta ao leitor uma análise sobre o mal que a falta de atenção faz à sociedade e à necessidade de olhar de forma verdadeira o outro como forma de transformar o coletivo e a nós mesmos. Essa reflexão é desenvolvida no que o autor chama de práticas de atenção, entre elas, ouvir com atenção plena, praticar o não conhecimento e exercer a não opinião.

"Atenção."

O essencial, numa sociedade autocentrada, é desapegar do Eu. Dar atenção é esvaziar o Eu e, por consequência, esvaziar-se de julgamentos e conceitos. “Dar atenção a alguém é estar plenamente com ela. Querer resolver o sofrimento a todo custo significa nunca estar realmente presente com a pessoa que sofre, nunca enxergar sua verdadeira dor. Cuidado sem atenção é superficial e pode ser até nocivo”, explica Castro.

Mas esse livro não é de “desenvolvimento pessoal”. Afinal, só faz sentido exercitar todas essas práticas como um caminho para um engajamento coletivo que nos transforme em uma sociedade mais igualitária: “praticamos a atenção para sermos melhores para as outras pessoas. Praticamos atenção não para vivermos vidas melhores, mas para que as pessoas que precisam conviver conosco vivam vidas melhores. Quanto mais atenção, mais vemos que não existem outras pessoas. Estamos todas juntas.” Leia Atenção. e descubra diferentes maneiras pelas quais podemos exercitar o cuidado engajado e a escuta ativa, atos transformadores para si mesmo e para a sociedade.

Para comprar: alexcastro.com.br/atencao

Página no site da editora.

Atenção, capa aberta.

Clique para ver em tamanho maior.

O Autor

Alex Castro publicou Mulher de um homem só (romance, 2009), Onde perdemos tudo (contos, 2011), Outrofobia (ensaios, 2015) e Autobiografia do poeta escravo (história, 2015). Foi colaborador da revista Mad in Brazil, do site PapodeHomem e do jornal Tribuna da Imprensa. Em 2016, lançou Autobiografia do poeta escravo em Cuba e foi um dos escritores convidados da Feira Internacional do Livro de Havana. As Prisões, instalações artístico-literárias de sua autoria, já foram realizadas em todas as regiões do país, congregando milhares de participantes. Praticante do zen-budismo há mais de dez anos, Alex Castro é membro da Ordem dos Pacificadores Zen e irmão ordenado em Eininji – Templo do Cuidado Amoroso Eterno, em Copacabana, sob o nome de “Darma de Iquiú”.

Site: alexcastro.com.br
FB: /alexcastroescritor
Twitter: @outrofobia
Insta: @outrofobia
Goodreads: /outrofobia

* * *

Título: Atenção.

Autor: Alex Castro

Editora: Rocco

ISBN: 978-85-68696-69-9

Código: 9788568696699

Formato:  14 x 21cm

Páginas: 288

Preço: R$ 44,90

» leia o texto completo «

Atenção., um livro de Alex Castro

Sem Atenção, não há Cuidado.

Nenhum ato pode ser mais político e mais transformador do que enxergarmos e cuidarmos umas das outras.

Meu novo livro Atenção. já está à venda. (Release.)

EbookAmazon, GooglePlayFeltrinelli (Itália), iTunes, FNAC (França), FNAC (Espanha), FNAC (Portugal), Kobo.

ImpressoTravessa, Martins Fontes, AmazonGalileu.

A capa é da artista plástica Isabel Löfgren.

Esse livro não teria sido possível sem a generosidade das mecenas, que me apoiam com suas contribuições em dinheiro. Todas as 743 mecenas estão citadas nos agradecimentos de Atenção. Muito, muito obrigado.

* * *

Compra direta com o autor

Comprando diretamente comigo, você paga um pouco mais (R$95) mas tem a satisfação de estar ajudando diretamente um autor que você aprecia e acompanha. E eu te agradeço. :)

De brinde: um marcador de página exclusivo e uma dedicatória apócrifa única.

Compre com PagSeguro.
(No exterior, compre com PayPal.)

marcador de página código de barras

* * *

Lançamentos

São Paulo: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h
Belo Horizonte: 6 de abril, Livraria Leitura Boulevard, 18h
Curitiba: 14 de abril, Livraria Curitiba Palladium, 15h
Brasília: 27 de abril, Livraria Leitura Boulevard, 17h

Lançamento SP: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h

Lançamento SP: 30 de março, Livraria da Vila Lorena, 16h

* * *

Extras do e-book

O ebook tem três extras exclusivos que não estão disponíveis em nenhum outro lugar:

  1. Uma entrevista comigo, falando mais sobre os bastidores do livro, sobre As Prisões, sobre budismo;
  2. Um making of, contando como o Projeto As Prisões se transformou no Atenção. (Isso mesmo: Atenção. é parte integrante do Livro das Prisões!)
  3. As duas primeiras Práticas de atenção, publicadas no meu blog pessoal LLL há mais de dez anos, e nunca republicadas.

* * *

Onde comprar?

Se quiserem me ajudar, prefiro que comprem na minha mão, pagando um pouco a mais. :)

Se preferirem pagar o preço normal, peço para darem preferência a livrarias independentes que entregam em todo Brasil, como Travessa, Martins Fontes e Galileu; em livrarias mais concentradas em vendas presenciais, como Nobel, Leitura ou Livraria da Vila, ou em sites como a Amazon.

Evitem a Saraiva e a Cultura, pois estão em recuperação judicial e não estão pagando as editoras.

Atenção, capa aberta.

Clique para ver em tamanho maior.

* * *

Redes sociais

Site: alexcastro.com.br
FB: /alexcastroescritor
Twitter: @outrofobia
Insta: @outrofobia
Goodreads: /outrofobia

* * *

Práticas de Atenção, a série completa

Abaixo, as Práticas de Atenção como foram publicadas no PapodeHomem entre 2014 e 2017. No livro Atenção., todas essas 16 práticas estão reescritas, expandidas e retrabalhadas, além de contar com mais 4 práticas inéditas e uma Introdução.

malvados, por andré dahmer

1. Praticar um olhar generoso

2. Dar-se conta das pessoas

3. Ver na sua totalidade

4. Ouvir com atenção plena

5. Cultivar o não-conhecimento

6. Exercer a não-opinião

7. Não ser a constante

8. Colocar-se em outra pessoa

9. Escolher agir com cuidado

10. Visualizar o privilégio

11. Praticar uma gratidão sustentada

12. Ser um espaço seguro

13. Falar somente o necessário

14. Abdicar do debate

15. Abraçar a não-certeza

16. Dar um passo