assine

nunca mais perca um texto meu:

assine alex castro por email
 
* * *

alguns avisos

ao clicar no link acima, você será enviada para uma outra página, onde deverá preencher seu email e clicar “ok”. logo após, você receberá um email de confirmação.

somente depois de responder a esse email de confirmação é que você passará a receber emails a cada novo texto desse site e também cartas esporádicas com textos ainda em desenvolvimento.

caso os emails estejam indo para pastas escondidas  — spam, promoções, atualizações, etc  — basta arrastar o email para sua caixa de entrada principal.

e eu te agradeço muito, muito mesmo pela confiança de me deixar entrar assim no seu inbox!

* * *

uma experiência pessoal com newsletters

para mim, como produtor de conteúdo, poucas coisas têm me dado tanto prazer quanto o meu newsletter.

ao contrário das caixas de comentários (que estimulam a agressividade e onde muitas vezes os comentaristas ficam se mostrando uns aos outros tentando “ganhar” a discussão), as newsletters promovem um contato ao mesmo tempo mais próximo e mais generoso, especialmente em relação ao feedback.

ao responder à newsletter e entrar em contato comigo, a privacidade do email permite que as pessoas leitoras estabeleçam um contato mais pessoal e mais aberto, com mais troca e mais compartilhamento.

ou seja, exatamente o tipo de comunicação íntima e refletida que seria impensável em uma caixa de comentários, entre o bolão234 xingando o autor do texto e a maria_aracaju99 divulgando links do seu site de ecologia.

em um email, ninguém nunca está querendo aparecer para a plateia.

sempre que acabo um novo texto, envio uma prévia para as pessoas assinantes, recebendo em troca dezenas, às vezes centenas, de emails inteligentes e afiados, com críticas, feedback e sugestões que já modificaram e melhoraram os textos de forma significativa.

dá pra contar nos dedos de uma mão os xingamentos, ofensas e trollagens que já recebi por email.

muito, muito obrigada a todas as pessoas assinantes.

29 comentários em “assine

  1. Fala Alex,Nãosei se lembra de mim..
    Comprei uns dois livros seus em ebook
    e fiquei seu fã
    depois que você voltou dos EEUU eu perdi contato
    e quis reler “as prisões” e fico feliz que sairá em livro

    parabéns…

    Te conheci no FLICKR
    qto tempo hein?
    Grande abraço

    Curtir

  2. Oi, queria comentar no texto viver com menos, mas não tinha opção. Queria dizer que amei o texto.. e fiquei pensativa sobre as coisas que você escreveu, e meio que caiu a ficha “cacete como eu tenho tralha” e eu nunca fui materialista, eu acho, pelo menos até agora achava que não.
    Enfim, parabéns por conseguir se livrar de toda a tralha, queria conseguir me livrar da maioria das roupas que eu tenho e dos sapatos também, a maioria fica guardada na gaveta e eu uso de vez em nunca. Quem sabe daqui alguns anos eu consiga levar esse estilo minimalista de viver, pessoalmente eu gosto muito.. Enfim, parabéns pelo texto 🙂 novamente. Abraços

    Curtir

  3. Olha, não sei se o blog me representa, porque não li todos teus posts. Mas dos que eu li, adorei todos e senti minhas ideias representadas! E me identifiquei quase 100% com tua declaração de princípios… cabe mais uma neste casamento? hehehe Beijos

    Curtir

Os comentários estão fechados.