Falar baixo | alex castro

Falar baixo

Uma das minhas resoluções de ano-novo, sempre repetida e reiterada, é simplesmente “falar mais baixo”.

Essa semana, duas pessoas me escreveram comentando sobre isso.

* * *

“Uma de suas decisões de ano novo me deixou curiosa, por que a meta de falar mais baixo?

Explico, eu sou uma pessoa que fala alto e sempre meio que me orgulhei disso. Minha família sempre foi barulhenta e sempre encarei essa característica como uma herança, uma marca de família.

Quanto adolescente essa característica as vezes me incomodava, fui uma adolescente extremamente tímida mas falar alto e saber impostar a voz em público chamava a atenção, isso me matava de vergonha. Sabe quando seu grupo está fazendo uma apresentação em sala de aula e ninguém está prestando a atenção, quando muito só o professor ? Pois é, era só eu começar a falar que a sala caía nunca silêncio sepulcral e eu queria abrir um buraco no chão e sumir.

A adolescência passou e falar alto nunca mais foi um problema pra mim, mas é um problema pra outras pessoas que eu sei.

Minha filha reclama disso constantemente, tenho uma amiga que também costumava se incomodar com meu tom de voz. Aí quando vi sua resolução fiquei curiosa.”

* * *

Eu tento falar mais baixo porque decidi, faz muito tempo, ser uma pessoa que incomoda as outras pessoas o mínimo possível.

* * *

E o segundo email:

“Uma das coisas mais bacanas que fiz em 2018 foi ter ido ao seu Encontro em XXXX. Foi um dia de muita reflexão e auto-aprendizado pra mim. Foi dia de desmistificar também a pessoa que leio há tantos anos!! kkkk Continue no propósito de falar mais baixo!”

* * *

Todos os emails sempre usados com autorização das autoras.

* * *

Pós-escrito

As próximas Imersões “As Prisões” vão acontecer entre 18 e 20 de janeiro em Areias, SP (a meio caminho entre RJ e SP) e entre 1º e 3 de fevereiro em Taíba, CE (a 70km de Fortaleza).

Ambas estão quase lotadas. Não sei quando serão as próximas.

Para saber mais e se inscrever, assista o vídeo abaixo ou clique aqui.

imersão as prisões de alex castro

imersão as prisões de alex castro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.